sexta-feira, março 20, 2009




A MINHA MÃE

Rosângela Scheithauer

À pessoa que me deu a vida,
ensinou-me a falar, caminhar, rezar
ficou ao meu lado
em tempos de tempestade
orou por mim
em momentos de dificuldade
seguiu meus passos, riu meus risos
chorou meus prantos
sentiu na pele a dor da separação
rogou a Jesus pela minha proteção
nunca me deixou desamparada
foi sempre o anjo da minha estrada
à minha querida e amada MAE
o meu mais profundo agradecimento
por tudo o que aprendi a ser
pelo amor que nunca deixei de ter
por sempre estar ao meu lado
nas alegrias e nas tristezas
nas certezas e incertezas
obrigada por ser essa mãe maravilhosa
que Deus me deu como uma estrela
a mais bela, mais pura, a mais singela.
Mamãe, quero através desse poema
Deixar-lhe registrado o meu amor
Infinito como o céu
Puro como a flor
Eterno como o Senhor!

Sua filha que a ama.

Achei linda demais essa poesia:
Visitem o site:
http://members.surfeu.at/ros.scheithauer/poesias/aminhamae.html


3 comentários:

  1. Recomeçar é renascer para a vida
    Reconstruir é reparar os danos
    Siga em frente sem olhar p'ra trás
    Não te censures, pois somos Humanos!
    (Pequenina)
    Te desejo um domingo com muito amor e carinho
    Abraços do amigo Eduardo Poisl

    ResponderExcluir
  2. Muito bonita esta homenagem à sua mãe! É sentida :)
    Parabéns!

    Um beijinho.

    ResponderExcluir
  3. Emocionante está o blog mãezinha querida! Te amo!

    ResponderExcluir

Obrigada por sua visita,Você é muito importante para mim.
Fazer amizades sinceras é o que desejo.
"É uma consolação na vida termos alguém a quem descubramos os nossos corações, a quem confiamos os nossos segredos, amigo fiel que nos felicite na prosperidade, que se condoa com a nossa tristeza, que nos ampare se formos perseguidos."
Santo Ambrósio

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...